terça-feira, 27 de julho de 2010

Dica de livro: O Menino do Pijama Listrado - John Boyne


Sei que uma galera já leu este livro ou viu o filme e adorou. Como em 99% das vezes, o livro supera, em muito, o filme e vale muito a pena a leitura.

Trata-se de um livro do irlandês John Boyne e aborda a 2ª Guerra Mundial e o holocausto sob a visão de um menino alemão de 9 anos, chamado Bruno.

O assunto profundo e triste é tratado de forma delicada e de uma sensibilidade tremenda. O livro é fininho, de fácil leitura e tem um final surpreendente.

Para quem ainda não leu ou não conhece, fica a dica!

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Paris Hilton em St. Tropez: Love it or Hate it?


As Hilton Sisters desfilaram o charme no Nikki Beach Club ontem em St. Tropez, causando furor por onde passaram.

Of course, que os holofotes focaram-se na irmã mais famosa que apareceu, digamos assim, com excesso de informação no quesito vestuário.

Paris que estava toda trabalhada nas braids, sobrepôs maiô engana mamãe com animal print, uma manta Louis Vuitton como canga e um super bracelete dourado, combinado com a faixa da cabeça. Cool or too much???

Achei que a irmã caçula, Nicky se saiu muito melhor...

E vocês??? Amaram ou odiaram???

Votem na enquete abaixo:

Love it or hate it? - Paris Hilton em St. Tropez
Love it!
Hate it!
pollcode.com free polls

domingo, 25 de julho de 2010

The Secret by Antonio Banderas - Lançamento inédito em Porto Alegre


Começa hoje, dia 25 de julho, a veiculação comercial do novo perfume de Antonio Banderas, The Secret. Não bastasse a grande novidade, é primeira vez na história que uma fragrância importada é lançada no Brasil em TV aberta. Porto Alegre foi escolhida, com exclusividade, como a primeira cidade do mundo inteiro a veicular o comercial, na rede Globo.

A escolha de Porto Alegre para o lançamento deu-se por ser uma região de ótima distribuição e consumo dos produtos da marca, especialmente pela cadeia de lojas Renner.

A época para o lançamento não poderia ser mais apropriada, às vésperas dos Dia dos Pais. Alguma dúvida de que as vendas vão bombar???

Curtam o comercial em primeiríssima mão:



video

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Impressões aleatórias sobre alguns points e hot spots do Rio

No quesito metereologia dei azar na minha mais recente viagem ao Rio de Janeiro. Foram 5 dias de chuva ou céu encoberto, o que significa dizer que a curtição do dia, das praias e das visitações turísticas ficou para uma próxima visita.

Por outro lado, no quesito balada, barzinho e gastronomia, mesmo com tempo bastante restrito, deu para conhecer lugares bem legais, que ficam de dicas para quem for à Cidade Maravilhosa, segundo minha impressão felpuda.

Prometo que das próximas vezes, farei um post específico sobre os lugares mais legais com muitas fotos.

* * *

Restaurantes:

- CELEIRO: Eu devia ter desconfiado da vibe super light e saudável do Celeiro já que foi nossa ultra sarada amiga Marcinha que indicou o hot spot carioca, sob o apelo de ser o lunch point dos globais. A cozinha do Celeiro adota fórmulas de preparo simples e rápidas, utilizando sempre alimentos frescos, com o mínimo de gordura, que aproveitem ao máximo o que os alimentos têm a oferecer em sabor, textura, e nutrientes. É prioridade da casa selecionar ingredientes frescos entre os legumes, verduras e frutas da temporada. Tudo orgânico, by the way, tá meu bem?!

A história do Celeiro começou nas areias da Praia do Pepê, na época da onda do sanduíche natural, dos sucos, dos brotos, das pastinhas de ricota e do bolinho de cenoura das irmãs Herz. Em 1982, o Celeiro abriu suas portas no Leblon, comportando além do rstaurante, uma padaria incrível, cheia de gostosuras.

Apesar de ter achado a comida saborosíssima, eu estranhei a ausência de pratos quentes* . As saladas, super exóticas, são um show à parte. O valor é, relativamente, salgadinho para um buffet de almoço. Se gasta de R$ 40 - R$ 100 por pessoa, sem bebidas.

O ambiente é pequenininho e simples. Quanto aos globais, não sei se era a chuva ou se era o horário, mas não tinha nenhum. O máximo que vi foi um dos Mutantes. Hahahaha. O site é bem legal e tem até um artigo do Tony Belloto exaltando o local.



Serviço:
Restaurante Celeiro
Rua Dia Ferreira, 199 - Leblon
Aberto de segundas às sábados das 11h às 17h
Telefone: 21-22742843

* Tinha somente uma carne assada com legumes, no dia em que fomos - a alegação foi de que já era tarde. Eles também nos ofereceram servir uma massa com molho de queijos ou de ricota com nozes na mesa, mas declinamos.


- FRONTERA: No domingo nosso almoço rolou no Frontera de Ipanema, mas o restô tem filiais no Leblon, em Copacabana, na Barra e no Jardim Botânico. o Frontera nasce como homenagem a um mundo sem divisas e limites geográficos, explorando o que há de melhor no mundo da gastronomia.

Super buffet, com opções variadas para todos os gostos. Também não é dos mais baratos. O preço varia de acordo com a fome do vivente. Gastamos algo em torno de R$ 70,00 com bebidas (refris) para duas pessoas, mas pode sair até R$ 100,00 por pessoa, sem bebidas.

De mais famoso assim, só vi o Gabriel Moojen. Vale? Hahahaha.


Serviço:
Restaurante Frontera Ipanema
Rua Visconde do Pirajá, 128 - Ipanema
Não tem horário de funcionamento do site, mas abre para almoços, inclusive domingo.
Telefone: 21-32892350


- PIZZARIA GUANABARA: Foi nossa opção pós Boox, na madrugada. Portanto, obviamente, fomos na do Leblon, mas a famosa pizzaria tem filiais na Lapa e na Barra da Tijuca também. A Guanabara existe desde 1964 e deve ser parada obrigatória. A pizza, que vem nos tamanhos broto, média, grande e gigante, é uma delícia e se apresenta em 29 sabores. Além disso, vocês encontram tudo que puder imaginar lá: filés, massas, aperitivos, pastéis, feijoada, cozido, sopas, uma carta bem variada de vinhos e até champanhe francesa (tenho a leve impressão de que o Pinguim não tem essa variedade aqui em Porto Alegre, néam??? Hahaha).

Sabe point pós balada, tipo Mc Donald´s da Silva Só em Porto Alegre (calma, gente, não me apedrejem: GUARDADAS AS DEVIDAS PROPORÇÕES)? Então... A casa tava lotadérrima e assim ficou até de manhã. Difícil pra caramba conseguir lugar no horário que fomos. Aliás, quem não consegue sentar, fica em pé tomando um choppinho na calçada. Até Maria Gadu andava por lá.

Pros mais caseiros, a casa tem tele!



Serviço:
Pizzaria Guanabara
Rua Ataulfo de Paiva, 1.228 - Leblon
Não tem horário de funcionamento do site, mas tá sempre aberto (fecha de manhã rapidinho para uma breve limpeza).
Telefone: 21-22940797


Barzinho:

- BAR VELOSO: Outra parada obrigatória, principalmente para o público feminino, já que a concentração masculina por m2 lá no Veloso é INACREDITÁVEL! Boteco simpático, com ambiente agradável e com preços acessíveis, é outro lugar em que, devido ao grande acúmulo de pessoas, a galera fica bebericando bebidinhas na calçada. Leva um tempo pra conseguir mesa, mas vale a pena esperar, porque tem muiiiiiita beleza em volta para olhar.

Para quem tiver fome tem comidinhas típicas de boteco. Vi umas meninas atracadas num brigadeiro de colher gigante que parecia uma delícia. O chopp é Brahma, mas tem as melhores cervejas de 600ml: original, bohemia, skol e Brahma Extra, além de cervejas importadas e todas as bebidas que qualquer amante etílico possa desejar.



Serviço:
Bar Veloso
Rua Aristides Espínola, 44 - Leblon
Funciona diariamente, das 11h até o último cliente
Telefone: 21-22749966



Balada:

- BOOX: Fui sexta na festa de 3 anos da The Week e no domingo na Sunrise que é uma day party em Itacotiara, mas por se tratarem de festas específicas, preferi falar só da Boox. Curti muito a Boox: é pequena, bom público, excelente trilha sonora e perfeita localização (I mean: pra quem tá ali no eixo Ipanema-Leblon-Lagoa). Me parece que já foi mais febre, mas não deixou nada a desejar em um sábado chuvoso em que a cariocada comparecia em peso ao show do 50 Cent na Marina da Gloria.

Chegamos só pra balada, mas o restô contemporâneo com ênfase na culinária italiana é um charme só, perfeito para ir a dois. Não é barato, mas também não é nenhum absurdo.






Serviço:
Boox Resto Bar
Rua Barão da Torre, 368 - Ipanema
Funciona de terça à sábado, a partir das 20h
Telefone: 21-78537740


quarta-feira, 14 de julho de 2010

Rapousas por aí: Na seção "Bom fim de Semana" do Estadão


Nosso humilde blog foi citado em uma reportagem super bacana da Seção "Bom Fim de Semana" do Estadão há um mês atrás.

Para saber mais, confere o link.

sábado, 10 de julho de 2010

Dica de esmalte: Tasmanian Devil made me do it


Achei essa cor lindaaaaaaa! É um vermelho aberto e claro que, ora puxa pro laranja, ora puxa pro coral. E o nome: Tasmanian Devil made me do it! Ótemooo! Minha escolha de aniversário. Só podia ser O.P.I.


P.S. Não reparem na foto e na mãozinha torta, mas tá mto difícil
de conseguir achar uma luz decente pra mostrar bem o esmalte

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Fox Tips: Show com Escravisaura e Bossa em Trio e Filosofando com Santo de Casa

SHOW COM ESCRAVISAURA BAND & BOSSA EM TRIO

Neste sábado, dia 10/07, a partir das 21h, o público gaúcho pode prestigiar outra vez a apresentação da Escravisaura Band, lá no Gira. A banda é formada pelos meus amigos Saulo, Marcelo Hugo e Tani (dentre outros) e faz um som bem eclético, indo de Beatles a U2. A prévia inédita fica por conta do Bossa em Trio que abre a noite com muita bossa nova, sambinhas e o melhor da MPB. Além disso, nosso querido Marcelo Hugo estará comemorando seu aniver na ocasião. Não dá pra perder!





FILOSOFANDO COM SANTO DE CASA

Quem acompanha o Blog já me ouviu falar, algumas vezes, no espaço terapêutico Bororó 25. As idealizadoras Christiane Ganzo e Denise Aerts convidam para o bate papo gastronômico Filosofando com Santo de Casa, nao charmoso Café localizado no último andar dda Casa de Cultura Mário Quintana. O tema deste filosofando é central nas nossas vidas. Quem de nós não conhece a difícil arte das relações humanas? Quando éramos pequenos, dizíamos com maestria: tu não manda em mim! Mas, parece que ao crescermos, esquecemos desta simples verdade e passamos, inclusive, a acreditar que é possível mandarmos nos outros. Além de filosofar, os presentes poderão degustar o menu degustação da chef Claudia, que nesta edição vem com Caldinho de Alho Poró, Lombo com molho de mostarde e purê e cervejas Rasen. Tudo por justos R$ 30,00. Corre que os ingressos são limitados.



quinta-feira, 8 de julho de 2010

Inauguração da Concept Store da Schutz em Porto Alegre e Lançamento da Coleção Verão 2011 - Resort Collection

Crédito Foto: Peter Krause

As shoelovers provincianas estão alvoraçadas com a abertura da primeira loja conceitual da marca Schutz em Porto Alegre, no próximo dia 15 de julho, no coração do Moinhos de Vento, na sua mais badalada rua.


Com decoração constantemente em mutação e valorizando o branco, a nova loja traz para o ramo calçadista o conceito de galeria de arte. Em um salão amplo, repleto de espelhos e canhões de luzes cênicas - legítimas de um espetáculo teatral - o cenário é perfeito pata os estilosos produtos da marca. Não há as tradicionais prateleiras, estando os sapatos distribuídos em cubos brancos, que servem como pedestais, tendo a Schutz a preocupação de cuidar de todos os detalhes para que as clientes curtam ao máximo a shopping experience que a marca proporciona.


Crédito Foto: João Wainer

Que a estrela de Alexandre Birmann brilha, ninguém duvida. Sua linha top já foi citada, inclusive, pela poderosa Blair Waldorf. Ele tem apenas 33 anos e desenvolve 8 coleções por ano, com peças de design de moda, materiais de excelente qualidade e impecável acabamento. A Schutz, que pertence ao grupo Arezzo, já está presente em cerca de 500 lojas multimarcas em todo o Brasil.

Já na estreia, o público gaúcho poderá conferir as tendências da próxima estação com o lançamento da Resort Collection, com referências no universo natural ne com sofisticação traduzida em formas e acabamentos simplificados, que conferem mais leveza aos modelos do verão 2011, diferentemente das coleções anteriores.

Na Resort veremos a presença de muito handmade, tressê, bordados de miçangas com referência étnica africana, cores, animal print, clogs, ankle straps e army boots.

O coquetel da inauguração está sendo organizado pela NB Eventos e a Assessoria de Imprensa em Porto Alegre está sendo feita pela Tess FashionBiz dos incríveis Débora Tessler e Edu Santos, tá meu bem???!!!







Serviço:

Schutz Porto Alegre

Rua Padre Chagas, 208 – Moinhos de Vento

Horário de atendimento: de segunda a sábado, das 10h às 20h e domingos, das 14h às 19h


segunda-feira, 5 de julho de 2010

Dica de livro: O Castelo de Vidro by Jeannette Walls

"Courtesy of Indiana University."


Durante a recuperação da minha cirurgia, solicitei a todos meus amigos e amigas que me trouxessem livros, porque o tempo de ócio era tamanho que todos os livros da casa (que não são poucos) já estavam relidos. Uma das boas surpresas que tive até agora foi a autobiografia da jornalista norte americana, Jeannette Walls chamada O Castelo de Vidro. Jeannete narra de forma lúcida e nada piegas a saga de sua singular família. O Marcelo Lopes do Blog Universo Tangente fez um resumo perfeito acerca do livro e tomei a liberdade roubar de lá, especialmente para nossos leitores e leitoras felpudas:



"Não fixavam residência por muito tempo em uma cidade (geralmente, alguma pequena e miserável localidade no interior do país), compravam carros que sempre os deixavam na mão e, com uma frequência desconcertante, passavam fome, quando os bicos e pequenos golpes do pai não lhe rendiam muito dinheiro. As crianças aprenderam logo a se virar de todas as formas possíveis, o que as tornou ainda mais unidas que a maioria dos irmãos, especialmente Jeannette e Brian. Depois de muitas aventuras (como gostava de dizer o pai), estabeleceram-se em Welch, uma cidadezinha de mineradores que parecia viver em um estado de constante decadência, onde Rex nascera. Logo apreensão do pai em voltar para Welch seria justificada: a cidade exerceu uma atração doentia nele, que fincou as raízes na casinha mais pobre possível, a beira de um abismo. Concluídos os estudos, os irmãos logo partiriam para Nova York – onde Lori acreditava que uma pessoa diferente como ela poderia apenas ser mais um, Jeannette poderia seguir seus estudos e tornar-se jornalista e Brian seguir sua vida. O que os três (Maureen toma outro rumo) não poderiam imaginar é que, anos depois, seus pais se mudariam para lá e escolheriam viver como sem-teto.

Jeannette conta tudo isso em episódios relativamente curtos, com detalhes vívidos. Desde o início, fica patente sua admiração pelo pai, seu intelecto privilegiado e charme, e não esconde o fato de ter sido sempre sua favorita. Sua narrativa oscila de certa inocência nos primeiros capítulos (e seu vocabulário usado acompanha isso, de forma bastante sutil, sem afetação) ao sarcasmo amoroso com que ela e seus pais passam a se tratar no fim da história, já em Nova York, tendo ambos de lidar com as diferenças de valores que encarnam. O título, não muito bom, refere-se ao projeto jamais concluído de Rex Walls, uma admirável casa de vidro para a família que seria descrita, neste início de século XXI, como auto-sustentável. Aliás, o fracasso material é uma constante na história dos Walls; todo o tempo, eles parecem fazer alguma conquista palpável somente para vê-la desmoronar depois – como o Natal, cuidadosamente planejado e arranjado."

O livro pode ser adquirido no site das Americanas, por R$ 31,90. No Submarino, tá um pouco mais baratinho: R$ 27,90. Boa leitura!